Marta Nogueira
25 Março 2020
0 Comments

Grupo de engenheiros portugueses cria plataforma digital de combate ao novo Coronavírus

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do movimento #ProjectOpenAir acaba de sair o projeto e a plataforma vent2life.eu, criada por um grupo de engenheiros portugueses que permite a todas as entidades interessadas, públicas ou privadas, coletivas ou individuais, identificar os ventiladores e equipamentos hospitalares que têm em sua posse, sem utilização ou com necessidades de reparação, para que possam ser reabilitados e utilizados na luta contra o COVID-19.

As estimativas dos fundadores apontam para a possibilidade de se conseguirem recuperar 200 ventiladores, que se encontram atualmente inoperacionais e em diferentes locais do país. Alguns já foram inclusivamente identificados e estão neste momento a ser analisados por engenheiros, de forma voltarem ao serviço e a continuarem a salvar vidas.

Os especialistas foram convidados a participar pela Ordem dos Engenheiros, pelo Instituto Superior de Engenharia do Porto e pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, que desde cedo se prontificaram a ajudar na concretização do projeto. Também a Nova Medical School se juntou a esta iniciativa, mobilizando as escolas médicas portuguesas para apoiarem num contacto mais eficaz com as administrações hospitalares.

Esta plataforma tem como objetivo, numa primeira fase, criar um HUB onde os Hospitais Públicos, Hospitais Privados, Ordens Religiosas, Clínicas Cirúrgicas e outras entidades de saúde poderão registar-se e reportar avarias, problemas ou falta de ventiladores, sendo que, do outro lado, estarão engenheiros de diversas especialidades prontos para ajudar na solução, reparação ou substituição de materiais, para que as unidades de saúde portuguesas possam ser reforçadas com o equipamento fundamental no tratamento de doentes graves infetados com o COVID-19.

A plataforma inclui também um espaço para o registo de empresas ou cidadãos, que queiram doar ou vender, a preço de custo, peças e equipamentos necessários para as reparações.

A ideia é criar uma comunidade de partilha de conhecimentos técnicos das diversas áreas da Engenharia, por forma a encontrar respostas às necessidades médicas e, assim, salvar vidas.

Numa segunda fase, a plataforma tem como objetivo fazer chegar ao mesmo fórum as necessidades de outros equipamentos médicos ou recursos que possam ser dispensados a instituições de domínio público e se encontrem avariados ou em rotura de stock.

Para além da Ordem dos Engenheiros, são parceiros desta iniciativa o Exército Português, que assegurará o transporte e logística; a McKinsey, no desenho e na implementação do modelo de governance; e a Lift Cosulting, na assessoria de comunicação.

A Ordem dos Engenheiros convida todos os seus membros a contribuírem para esta causa e a integrar na rede de engenheiros que está a fazer a diferença, quer através dos seus conhecimentos, quer através de doações ou até mesmo na partilha e difusão do projeto.

Porque juntos fazemos história, salvamos vidas, transformamos o paradigma.

Juntos estamos em casa a cuidar do presente e a preparar futuro.

Porque #JuntosSomosEngenharia.

Aceda a plataforma e ajude em »»»

Fonte: https://www.ordemengenheiros.pt/

Shear it!
Top
TV CANÇÃO NOVA | DIRETO
Estrada da Batalha - Apartado 199 - 2496-908 Fátima | Tlf.: 249 530 600
© Copyright 2020

TV Canção Nova | Direto


Rádio Canção Nova | Direto


Multimédia