Padre António Justino Filho
17 Outubro 2021
0 Comments

Centrar os interesses nas coisas de Deus: caminho de constante apelo à conversão

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Estamos no 29º domingo do tempo comum! Vejamos o que a Liturgia da Palavra nos ensina:

Os discípulos, a caminho de Jerusalém com Jesus, nem sempre entendem a sua proposta. O caminho torna-se, assim, um momento de formação na escola do Mestre, em que Ele mesmo Se oferece como exemplo de conduta de vida. Diante das preocupações mundanas dos discípulos, desejosos de ocupar lugares cimeiros no Reino de Deus, Jesus propõe que assumam o seu caminho que o leva a abraçar o cálice de sofrimento redentor e que sigam o seu exemplo de vida “para servir e dar a vida pela redenção de todos” ( Mc 10,45 ). O caminho com Jesus torna-se uma oportunidade para recentrar os interesses dos discípulos, para se focarem nas coisas de Deus e não nas coisas dos homens. É um caminho de constante apelo à conversão.

imagem | unsplash

1ª LEITURA: Livro de Isaías 53, 10-11 – “Se oferecer a sua vida como sacrifício de expiação, terá uma descendência duradoira”
Esta leitura é um dos chamados “Cânticos do Servo de Deus” do Livro de Isaías. Este Servo apresenta-se como alguém que leva o seu espírito de serviço até ao ponto de dar a própria vida pela salvação da multidão. Jesus há-de realizar, da maneira mais perfeita que se possa imaginar, esta figura do Servo de Deus, e ensinou que este é o único caminho para entender a sua missão e a nossa, como seus discípulos e membros do seu povo.

SALMO RESPONSORIAL 32 (33) – Desça sobre nós a vossa misericórdia, porque em Vós esperamos, Senhor.

2ª LEITURA: Epístola aos Hebreus 4, 14-16 – “Vamos cheios de confiança ao trono da graça”
Por uma coincidência feliz, esta leitura liga-se hoje muito bem às outras duas. Fala-nos ela de Cristo como nosso Sacerdote. Ele não só Se ofereceu a Si mesmo ao Pai por nós, mas, como fruto dessa oblação, Ele mesmo, em sua humanidade, penetrou nos Céus e lá colocou, à direita do Pai, a nossa pobre humanidade, por Ele salva. Aí Ele continua a ser o Sacerdote da humanidade, por quem sempre intercede junto do Pai. Podemos, por isso, aproximar-nos confiantes de Deus, que nos acolhe com a sua graça.

EVANGELHO: São Marcos 10, 35-45 – “O Filho do homem veio para dar a vida pela redenção de todos”
Jesus realizou em Si a figura do Servo de Deus, de que falava a primeira leitura. E, se hoje O reconhecemos como “Senhor”, foi porque o Pai O exaltou e Lhe deu esse nome, que está acima de todos os nomes, depois de Ele ter sido obediente até à morte e morte de cruz. O caminho que O levou à glória foi o do serviço até à morte.

Latest posts by Padre António Justino Filho (see all)
Shear it!

Padre António Justino Filho

Comunidade Canção Nova Portugal. Está neste momento numa imersão missionária na Diocese de Évora

Top
TV CANÇÃO NOVA | DIRETO
Estrada da Batalha - Apartado 199 - 2496-908 Fátima | Tlf.: 249 530 600
© Copyright 2020

TV Canção Nova | Direto


Rádio Canção Nova | Direto


Multimédia