Marta Nogueira
26 Maio 2020
0 Comments

#3 | O lugar do espanto: o meu corpo sou eu!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Devemos perguntar o que é o corpo ou Quem é o corpo?

Na verdade, o nosso corpo manifesta a pessoa que somos. Não se trata de uma embalagem despersonalizada que se usa e deita fora. De facto, fazemos esta experiência de que o nosso corpo é uma pessoa: o nosso corpo somos nós!

Fomos criados homem e mulher. Masculino e feminino. Mas, o pecado original colocou a descoberto a nossa nudez original e conduziu-nos à vergonha do nosso corpo diante de Deus e diante do outro.

Neste webinar, Mons. Duarte da Cunha, ajuda-nos a refletir sobre a forma como o corpo manifesta a pessoa e a complementaridade entre o masculino e o feminino, enquanto abordamos as consequências do pecado original no relacionamento entre os dois sexos.

Questões para reflexão:

Feminino e masculino: complementaridade ou competição?

“O coração tornou-se o campo de batalha entre o amor e a concupiscência. Quanto mais a concupiscência domina o coração, menos o coração experimenta o significado esponsal do corpo.” S. João Paulo II

Shear it!

Marta Nogueira

Membro da Comunidade Canção Nova. Licenciada em Comunicação Institucional e atua nas Medias Digitais da Canção Nova. instagram: martanogueira.cn

Top
TV CANÇÃO NOVA | DIRETO
Estrada da Batalha - Apartado 199 - 2496-908 Fátima | Tlf.: 249 530 600
© Copyright 2020

TV Canção Nova | Direto


Rádio Canção Nova | Direto


Multimédia