Padre António Justino Filho
04 Abril 2021
0 Comments

Cristo ressuscitou!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Cristo ressuscitou! Hoje é a festa das festas, o dia por excelência de “Cristo Senhor”, em que Ele, depois de ter passado pela morte, para conhecer tudo o que ela encerra de dor e humilhação, triunfou das trevas da morte para nunca mais morrer!

imagem | cathopic

1ª LEITURA: Actos dos Apóstolos 10, 34a.37-43 – Diante de pagãos, em casa do centurião Cornélio, Pedro anuncia o que já lhes havia chegado aos ouvidos: Cristo ressuscitou! E, completando aquela “boa notícia”, garantido, com o seu testemunho pessoal, a verdade dos acontecimentos daqueles dias, o Apóstolo explica-lhes o que eles querem dizer: Jesus de Nazaré, homem que viveu como eles e com Quem Pedro convivera, não é um simples homem. Ungido do Espírito de Deus, tem a plenitude de Deus em Si. Ele é o Messias, o Filho de Deus, como o demonstra pelos milagres por ele mesmo presenciados e, sobretudo pelo milagre definitivo – a Ressurreição. Pela ressurreição , de que Pedro é testemunha, Jesus de Nazaré é o Juiz dos vivos e dos mortos, é o Salvador de todos os homens, judeus ou pagãos.

2ª LEITURA: Colossenses 3,1-4 – Pelo seu Baptismo, o cristão morreu para o pecado e ressuscitou com Cristo para uma vida nova. Desde esse momento, recebeu a missão de, à semelhança de Cristo, conduzir os homens e todas as coisas para o Pai. Inserido nas realidades divinas, não pode alhear-se do mundo, nem ficar indiferente aos esforços dos homens relativamente à construção dum mundo de felicidade , justiça e paz. Inseridos na realidade da terra, não pode encerrar-se no mundo, trabalhando só para fins terrenos, esquecido do destino final do homem e do mundo. Feito nova criatura pela Ressurreição de Cristo, o cristão viverá a vida de cada dia, sem perder de vista o fim superior, para que foi criado.

EVANGELHO: São João 20, 1-9 – Pedro e João, juntamente com Madalena, são as primeiras testemunhas do túmulo vazio naquela manhã de Páscoa. Não foi, porém, muito facilmente que eles chegaram à conclusão de que Jesus estava vivo. A sua fé progressiva, caminhará entre incredulidade e dúvidas. Só perante as ligaduras e o lençol, cuidadosamente dobrados, o que excluía a hipótese de roubo, se lhes começam a abrir os olhos para a realidade. No seu amor intuitivo, João é o primeiro a compreender os sinais da Ressurreição. Mas bem depressa Pedro, que, não por acaso mas intencionalmente, ocupa o primeiro lugar e nos aparece já nesta manhã como Chefe do Colégio Apostólico, descobre a verdade, anunciada tão claramente pela Escritura e pelo mesmo Jesus. Depois, em contacto pessoal com o Ressuscitado, a sua fé tornar-se-á firme como “rocha” inabalável.

Contemplemos ainda o domingo do Senhor com o Salmo 117 (118) – Este é o dia que o Senhor fez: exultemos e cantemos de alegria.

Latest posts by Padre António Justino Filho (see all)
Shear it!

Padre António Justino Filho

Comunidade Canção Nova Portugal. Está neste momento numa imersão missionária na Diocese de Évora

Top
TV CANÇÃO NOVA | DIRETO
Estrada da Batalha - Apartado 199 - 2496-908 Fátima | Tlf.: 249 530 600
© Copyright 2020

TV Canção Nova | Direto


Rádio Canção Nova | Direto


Multimédia